Gotham e Lucifer

Hoje trago-te mais duas séries do universo da DC que nada têm em comum.

Antes de Batman, a cidade de Gotham já existia. James Gordon (Ben McKenzie) é um detetive iniciante polícia. Corajoso, sincero e ansioso para mostrar serviço, o recém-promovido tem como missão solucionar o caso do assassinato dos bilionários Thomas e Martha Wayne, um dos casos mais complexos da cidade. Com seu parceiro, o oficial Harvey Bullock (Donal Logue), Gordon conhece o único sobrevivente do assassinato: Bruce (David Mazuouz), um garoto de 12 anos, filho do casal, por quem ele imediatamente sente uma grande afeição.

Obviamente que conhecemos a história do Batman e sabemos quem Bruce é. Esta série revela-nos mais do que saber como é que Bruce se tornou no Batman, ela foca-se na cidade de Gotham, nos criminosos e nos "heróis" que lutam por ela.

Eu apaixonei-me até por alguns dos vilões. Gotham tem destas coisas, faz-nos gostar de quem não deviamos, faz-nos esperar acontecimentos e depois dá-nos um golpe no coração com uma mudança dramática. Quando tudo parece que está bem, pensa de novo porque, mais cedo ou mais tarde, deixa de estar e é mais cedo do que imaginas, arrisco-me a dizer.

Para quem conhece, tenho de dizer que sou fã da eterna Fish e claro, do Nigma e da Barbara.
Cheguei muitas vezes a dizer que me recusava, que parava de ver a série. No entanto, demorei mas vi.
Não vou contar mais nada sobre esta só acrescento que tem cenas que não são fáceis de ver. Agressões, sangue e tripas. Não é pior que GOT...
Vamos para Lucifer que neste momento, é das minhas séries preferidas e que eu estou sempre à espera de novos episódios.


Tom Ellis (da série Rush) estrela no papel-título de Lucifer, que, entediado e infeliz como o Senhor do Inferno, renuncia o seu trono e abandona o seu reino para ir para a cintilante loucura de Los Angeles, onde ele vai ajudar a polícia local a punir os criminosos.

O elenco conta também com Lauren German (de Chicago Fire) como a detetive de homicídios da LAPD Chloe Dancer, que senta tanto repulsa quanto fascínio por Lucifer; Lesley-Ann Brandt (de Spartacus) como Maze, um demônio feroz que toma a forma humana de uma mulher e que é a melhor amiga de Lucifer; Kevin Alejandro (de Arrow) como Dan, um detetive de homicídios da LAPD bastante desconfiado de Lucifer; D.B. Woodside (de 24 Horas) como Amenadiel, um anjo enviado para Los Angeles para convencer Lúcifer a voltar para o Inferno; e Rachael Harris (de Suits) como Linda, a terapeuta de Lucifer.

Ele é literalmente o diabo! Atrevido, sexy, vingativo, com sede de punição. Mas a Terra afeta-o e uma mulher em especial também.

Vê, porque nunca achaste que vais gostar tanto do diabo como aqui.














Foi viciante desde o primeiro episódio! E agora quero mais temporadas.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pela tua dúvida, sugestão ou opinião.

Se queres acompanhar futuros comentários incluindo a minha resposta, carrega no botão "NOTIFICAR-ME"